Buscar em
 

IA 299 - Prevenção e correção de defeitos na produção de leite e derivados


R$ 12,00

Compre já: IA 299 - Prevenção e correção de defeitos na produção de leite e derivados v.38 n.299 Ano 2017 - 100 páginas

v.38 n.299 Ano 2017 - 100 páginas -

EDITORIAL 3
ENTREVISTA 4
Implementação de programas de autocontrole na indústria de laticínios
Vanessa Aglaê Martins Teodoro, Valdeane Dias Cerqueira, Mayara Souza Pinto, Junio César Jacinto de Paula, Denise Sobral e Renata Golin Bueno Costa 7
Parâmetros de qualidade do leite para a produção de lácteos
Kely Tatianne Costa Santana, Camila Almeida de Jesus, Lilian Ferreira Neves, Roberta Ribeiro
da Cruz Cangussu, Denise Sobral e Maximiliano Soares Pinto 17
Análises físico-químicas no controle de qualidade de leite e de produtos lácteos
Luiz Carlos Gonçalves Costa Júnior 26
Análises microbiológicas para o controle de qualidade dos produtos lácteos
Carolina Carvalho Ramos Viana e Martha Eunice de Bessa 35
Higienização: da produção de leite à indústria de laticínios
Paulo Henrique Costa Paiva, Juliana Nogueira Boccia, Vanessa Aglaê Martins Teodoro, Daniel Arantes Pereira, Nélio José de Andrade e Ana Clarissa dos Santos Pires 43
Principais defeitos na fabricação de queijos
Denise Sobral, Renata Golin Bueno Costa, Junio César Jacinto de Paula e Vanessa Aglaê Martins Teodoro 53
Gelados comestíveis: principais problemas e soluções na fabricação e estocagem de sorvetes
Mariana Gavioli dos Reis Pena, Marta de Oliveira Coelho, Paulo Cruz, Marco Antônio Moreira Furtado e Fabiano Freire Costa 65
Principais problemas na fabricação de leites fermentados e bebidas lácteas fermentadas
Junio César Jacinto de Paula, Juliana Nogueira Boccia, Denise Sobral, Renata Golin Bueno Costa, Vanessa Aglaê Martins Teodoro e Maximiliano Soares Pinto 72
Problemas na fabricação de produtos concentrados e desidratados
Rodrigo Stephani, Luiz Fernando Cappa de Oliveira, Ítalo Tuler Perrone, Antônio Fernandes de Carvalho, Guilherme Miranda Tavares e Pierre Schuck 81
Gestão ambiental: manejo, tratamento e legislação pertinente para resíduos de laticínios
Marcelo Henrique Otenio, Vanessa Romário de Paula e Henrique Vieira de Mendonça 91




APRESENTAÇÃO

O Brasil destaca-se como grande produtor de leite, com um total de 33,62 bilhões de litros produzidos no ano de 2016, ocupando o 4o lugar no ranking mundial. O leite possui alto valor nutricional e deve ser produzido com qualidade físico-química e microbiológica para impactar em produtos também de qualidade. Para isso, a indústria de laticínios utiliza-se de sistemas de gestão da qualidade, os quais monitoram desde a obtenção do leite até a expedição do produto final, bem como sua comercialização, para garantir a segurança do consumidor.
Atender às exigências dos órgãos de fiscalização e dos consumidores é primordial, para a sobrevivência da empresa no mercado competitivo. Nos últimos anos, a indústria brasileira de lácteos encontra-se em fase de crescente faturamento. Nesse mercado em expansão é fundamental a atenção para as falhas que podem ocorrer nos produtos lácteos. Os defeitos durante a produção do leite e na fabricação dos seus derivados, muitas vezes, não podem ser sanados e devem ser prevenidos para evitar prejuízos posteriores. Mas, além da produção, a indústria deve conscientizar-se do seu papel com o meio ambiente e tratar adequadamente todo o resíduo líquido e sólido gerado.
Diante desse contexto, este Informe Agropecuário tem como objetivo apresentar informações relevantes da cadeia produtiva do leite e derivados sobre os principais defeitos que possam ocorrer e suas prevenções e correções, bem como o tratamento de resíduos gerados, para aprimorar a competitividade dessa cadeia e o seu crescimento.
Denise Sobral
Renata Golin Bueno Costa
Vanessa Aglaê Martins Teodoro

SEDE: Av. José Cândido da Silveira, 1647 • União • BH • MG • CEP:31170-495 • TEL.: (31) 3489-5000